Covid-19: Como manter sua casa higienizada contra o coronavírus.

 

Limpeza da casa de infectados e suspeitos é diferente da preventiva

Em tempos de home office e quarentena, a limpeza e higienização doméstica é indispensável para conter o avanço do contágio do novo coronavírus, informações de como higienizar as mãos e se prevenir tornaram-se parte do dia-dia da população.

No entanto, além dos cuidados pessoais a manutenção da limpeza dos lares é uma importe aliada para combater o vírus, apesar de a limpeza dos ambientes estar incorporada à rotina doméstica, existem recomendações específicas para o quadro atual.

A limpeza de prevenção exige cuidados especiais, especialmente se o morador for um caso suspeito ou testado positivo para Covid-19. Confira Como manter sua casa higienizada contra o coronavírus.

Limpeza de prevenção

Ambientes limpos e higienizados contribuem para a prevenção de diversas doenças. Em especial no caso dos vírus, a atenção deve ser redobrada, visto que esses organismos como é o caso do coronavírus, tem a capacidade de sobreviver por um tempo significativo nas superfícies facilitando anda mais o contágio.

Entretanto, tais organismos podem ser facilmente inativados se utilizado os produtos corretamente, veja aqui quais sãos os produtos que podem eliminar o coronavírus.

Raquel Stucchi, consultora da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) e infectologista da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

Esclarece em artigo publicado pela gazeta do povo: “Nas residências em que não há casos suspeitos ou pessoas infectadas pelo coronavírus, a limpeza “profunda” deve ser realizada uma vez por semana.

A exceção fica por conta dos banheiros, que devem ser limpos diariamente, e do piso que deve ser varrido com a mesma frequência.

Por sua vez, a limpeza rotineira pode ser realizada com os produtos usuais, já recomendado pelo Ministério da Saúde, destacando o uso do hipoclorito de sódio  (água sanitária), graças ao seu poder de desinfecção.

A mistura consiste em uma parte do produto para cada nove partes de água, feito isso, basta utilizar a solução para desinfetar as superfícies que são tocadas com mais frequência, como maçanetas, corrimões, teclados, entre outros, além do hipoclorito de sódio, o álcool 70% é outro item importante da lista dos desinfetantes.

É ideal utilizar luvas durante a limpeza doméstica e após o uso, é necessário que sejam lavadas com a mesma precisão com a qual lavamos as mãos. O mesmo se aplica a esponjas, panos e os demais materiais utilizados na limpeza.

Para lares com pessoa testado positivo para Covid-19

Nas casas onde moram pessoas suspeitas ou testadas positivo para a Covid-19 requerem atenção e cuidado redobrado, tudo para que os demais moradores sadios não sejam infectados.

Para esses casos, deverão ser realizadas limpezas diferentes; uma para o local onde se encontra o infectado ou suspeito e outra para o restante da casa.

Para o caso do ambiente com infectado, o ideal é que ele mesmo realize a limpeza do local onde está isolado, desse modo ele evita o contágio dos demais moradores da casa, antes de vestir as luvas, é preciso que ele lave bem as mãos.

Os locais que acumulam pós por muito tempo, devem primeiro receber uma limpeza comum com água e sabão, para só depois serem desinfectados com a solução de água sanitária ou álcool 70% ou outro produto com ação contra o vírus.

O banheiro deve ser de uso exclusivo do infectado, caso não seja possível, é ideal que seja higienizado após cada uso. Segundo Raquel “O recomendado é que se espere de uma a duas horas após o uso para realizar a limpeza”

O cômodo em que o infectado está em isolamento deve receber limpeza todos os dias e após a higienização os materiais como, esponjas e panos devem ser atenciosamente lavados com água e sabão, após secos podem ser reutilizados em outros cômodos também.

Quanto a limpeza dos demais cômodos da casa, segue as orientações de limpeza comum dos ambientes, ressaltando a necessidade de utilizar as luvas que não podem ser as mesmas utilizadas pela pessoa infectada.

Também é necessário o uso de luvas na lavagem de pratos e utensílios de cozinha utilizados pelo infectado ou suspeito de Covid-19, depois de secos, não há problemas em guardar com os demais.

Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/haus/coronavirus-como-limpar-casa-infectados-jeito-certo/

Copyright © 2020, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *